sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Cegonha-branca

(Ciconia ciconia) - linnaeus, 1758

De plumagem branca, apenas com parte das asas pretas, é ave de grande porte, que chega a atingir os 125 cm de altura e 215 cm de envergadura. Possui patas vermelhas muito compridas e bico, também vermelho, longo e pontiagudo. A coloração vermelha do bico e das patas deve-se à utilização de carotenóides (sobretudo astaxantina, proveniente de uma espécie de lagostim) na sua alimentação. Distribui-se pela África, Europa e Ásia. Estamos em presença de uma migradora de grande distância. Nas sua deslocações entre a Europa e a África, evita a travessia do Mediterrâneo, devido à falta de térmicas de ar de que necessita, fazendo o desvio  pelo Estreito de Gibraltar ou pelo Levante.

Como carnívora que é, inclui na sua dieta alimentar animais variados, como insectos, peixes, anfíbios répteis, pequenos mamíferos e pequenas aves. Apanha a comida do chão, em locais de pouca vegetação, em prados, terrenos agrícolas  ou dentro de água pouco profunda.

Apesar de monogâmica, não adopta o mesmo par para sempre. A eclosão dos ovos, em número de quatro, ocorre quase 5 semanas após a postura. Os dois progenitores revezam-se na incubação e na alimentação das crias. Estas abandonam os ninhos aos dois meses de idade, mas continuam dependentes dos adultos, no que à alimentação diz respeito, durante mais uma a três semanas.

Comunica através de um ruído provocado pelo abrir e fechar do bico, semelhante ao disparo de uma metralhadora distante, amplificado pela garganta, actuando como ressonador. Com ritmos e intensidades diferentes os ruídos são utilizados em diversas interacções sociais. Fica mais alto quanto mais longo. Durante a copulação é mais lento e quando usado para chamamento de alarme é breve.

É uma ave gregária que voa  em bandos desorganizados.

Reino:     Animalia
Filo:        Chordata
Classe:    Aves
Ordem:   Ciconiiformes
Família:  Ciconiidae
Género:  Ciconia
Espécie: C. ciconia



            Imagens captadas na Herdade da Pitamariça de Baixo, Lavre, Montemor-o-Novo.








Enviar um comentário