terça-feira, 6 de novembro de 2012

Libélula

A libélula (ou libelinha) é um insecto alado, de corpo fusiforme, com o abdómen muito longo, olhos compostos, dois pares de asas quase transparentes e seis pernas. Há quem distinga libélulas de libelinhas tendo em conta a robustez ou delicadeza dos seus corpos. As libélulas são as maiores e as que têm asas fortes e diferentes (anisópteros), que mantêm abertas quando descansam e as libelinhas, menos robustas, têm as asas iguais e descansam com elas fechadas.  Medem de 2 a 19 cm de envergadura e as mais rápidas podem atingir a velocidade de 85 Km por hora. Alimentam-se de outros insectos como moscas e mosquitos, desempenhando um papel importante no controlo das populações destas pragas, prestando assim um excelente serviço ao homem.

Pode-se afirmar que estes insectos existem em todos os continentes, sendo conhecidas cerca de 6 mil espécies em todo o mundo. Em portugal é possível observar 66 espécies diferentes.

Os seus olhos, constituídos por milhares de facetas (até 30.000), proporcionam-lhes um campo visual de 360 graus, que lhes facilita a caça. Habitam, preferencialmente, as imediações de zonas pantanosas ou perto de ribeiros e riachos. As sua larvas (naiades) são carnívoras aquáticas que se alimentam de girinos e peixes juvenis.

Este grupo surgiu no período Paleozóico, tornou-se abundante no período Carbónico e conserva até hoje as mesmas características gerais. As maiores libelinhas, pertencentes ao género Meganeura, que existiram no Pérmico chegavam a atingir de 70 a 75 cm de envergadura.

As larvas das libélulas podem ser usadas para a avaliação de certos parâmetros da qualidade da água, já que esta influencia a existência (ou não) destes insectos. Também ao verificarmos as espécies presentes, tendo em conta o conhecimentos das suas características biológicas, podemos inferir as características da água ( como, por exemplo, a sua riqueza em nutrientes e oxigénio).



Reino:         Animalia
Filo:            Arthropoda
Classe:        Insecta
Ordem:       Odonata
Subordem:  Anisoptera
Família:      Libellulidae
Género:     Sympetrum
Espécie      S. Fonscolombii

Imagens captadas na Quinta da Casa Nova, Cortiçadas, Montemor-o-Novo










Enviar um comentário